Dieta após as festas de fim de ano

Depois de se esbaldar nas ceias de fim de ano, hora de voltar a cuidar da dieta. Saiba como, passo a passo.

Sentindo-se culpada por comer tudo o que as fartas ceias de fim de ano proporcionaram? Calma, você não é a única. As tentações são grandes e manter a dieta diante de tanta fartura e delícias é tarefa inglória.

O importante é que você aproveitou o que pôde, e agora o foco é voltar á disciplina alimentar que permeou todos os outros 364 dias do ano. Aprenda como voltar às boas com seu corpo, emagrecendo após os festejos de Natal e Ano Novo.

Nada de dietas restritivas!

Aposto que a primeira coisa que vem à mente é parar de comer por um tempo ou fazer uma dieta maluca que restringe nutrientes essenciais. Não caia nessa. Seu corpo vai precisar de nutrição equilibrada para voltar aos termos anteriores à festança gastronômica do fim de ano. Seja paciente e cuidadosa.

Seja leve ao montar seu prato

Escolha verduras, legumes e frutas da estação e fontes de proteína magra nas principais refeições. Não se esqueça de alimentos ricos em fibras, pois a digestão precisa voltar ao ritmo normal após os excessos.

Volte a comer em intervalos regulares

Seja três vezes ao dia ou de três em três horas, ensine ao seu metabolismo que aquela fartura foi uma exceção, e não a regra. Não pule nenhuma refeição e  não force jejuns prolongados entre elas, pois isso dá margem à impulsos alimentares que nos fazem compensar com alimentos calóricos.

Água e sucos para hidratar

Jamais deixe de beber muito líquido, principalmente durante o verão. Água gelada dá conta do recado; além de refrescante, tem ação termogênica. Se quiser incrementar a hora do lanche, tome sucos naturais, de preferências de frutos espremidos ou batidos na hora e sem adicionar açúcar. Evite os néctares (os famosos sucos de caixinha), que escondem uma granada calórica atrás de promessas de vitaminas e minerais.

Atenção aos carboidratos

Repetindo o que vez ou outra dizemos aqui: o carboidrato é um nutriente essencial à vida. Não podemos simplesmente prescindir dele, temos que conhecer quais carboidratos são mais eficientes na dieta. Fontes integrais do nutriente são as mais indicadas, e se forem ricos em fibras solúveis e insolúveis, melhor.

E as gorduras?

Sim,  elas são estocadas em partes indesejáveis do corpo, mas não podemos eliminá-las do cardápio. A função das gorduras no metabolismo é importante e vital, em alguns casos, bastando que saibamos quais tipos de gorduras consumir e em quais quantidades. Privilegie fontes de gordura insaturada, como peixes e sementes oleaginosas e fuja da gordura trans e do excesso de gordura saturada animal. Converse com seu nutricionista.

Mexa-se, mas vá devagar no começo

Uma caminhada diária ou andar de bicicleta por 30 minutos no início já nos ajudam a ser menos sedentárias. Se deseja fazer exercícios mais elaborados, consulte seu médico para fazer uma avaliação física e procure treinadores profissionais para saber em que ritmo você irá fazer as atividades e quais são mais adequadas ao que você pretende.

Avalie este conteúdo!

Avaliação média: 4.5
Total de Votos: 10

Dieta após as festas de fim de ano

Comente