Dieta do Limão

A dieta do limão tem o irritante rótulo de "milagroso", graças à ritualização envolvida. O limão tem realmente esse poder?

Vira e mexe aquela conhecida do trabalho, aquela amiga do ônibus, a colega da escola ou da faculdade, aquela tia que sabe tudo de simpatias, vem com a velha dieta do limão.

Graças a essa incessante propaganda, veiculada boca a boca há décadas, os contatos do blog via Twitter, Facebook e e-mail sempre possuem questionamentos sobre a eficácia dessa dieta.

A mecânica da dieta do limão

A dieta do limão consiste em tomar em jejum o suco puro de um limão no primeiro dia, de dois limões no segundo, e assim sucessivamente até dez limões, quando então a pessoa deverá regredir gradativamente, tomando o suco de nove, oito, sete, até um limão outra vez.

Qual é a eficácia da dieta do limão?

O limão é nutritivo, mas não tem poderes mágicos.

É claro que o limão é nutritivo, contém vitaminas e outras substâncias benéficas à saúde, e se corretamente utilizado na dieta pode potencializar os efeitos desta até para emagrecer.

Entretanto, esta simpatia absurda tende a causar mais males do que bem. No mínimo o que a pessoa vai adquirir é uma gastrite ao fazer esta prática.

Pois esta dieta implica tomar o suco de noventa e nove limões em dezenove dias, o que dá uma média de mais de cinco limões por dia em jejum. Não acredita? Então faça as contas.

  • Primeiro dia: 1 limão ;
  • segundo dia: 3 limões (o primeiro +2);
  • Terceiro dia: 6 limões (1+2+3);
  • Quarto dia: 10 limões (1+2+3+4);
  • Quinto dia: 15 limões (1+2+3+4+5).

Bem, você entendeu.

Tome cuidado com o que você ouve falar, as pessoas normalmente não têm o menor critério ao repassar informações — principalmente as absurdas.

Avalie este conteúdo!

Avaliação média: 4.75
Total de Votos: 8

Dieta do Limão

Comentários

  • nada haver se fica falando mau da dieta do limao comesei hoje e tenho ctz q vo imagrese pq tenho fe e vose tem fauta d deus no corasao

    Responder
    • Amiga, fico feliz que você tenha fé, e eu também tenho fé em você. Mas essa “dieta” absurda é muito perigosa! Se não acredita em mim, e também acho ótimo que não acredite em nada do que ler na Internet, consulte seu médico!

      Responder

Comente