Emagrecer com a prancha isométrica

Usar o próprio corpo como aparelho de musculação; eis o princípio da prancha isométrica.

Definir os músculos do abdome é um dos principais objetivos de quem deseja emagrecer, e a a prancha isométrica é um dos exercícios que tem se provado mais eficientes para a obtenção dessa meta.

Tudo o que o praticante precisa é de seu próprio corpo, sem a necessidade de equipamentos, acessórios ou aparelhos. A prancha isométrica pode ser praticada em qualquer lugar e ela pode se adaptar a vários níveis de condicionamento físico.

Conceitos básicos da prancha isométrica

Esse tipo de exercício tem um objetivo simples: manter o corpo parado em uma única posição retilínea por um tempo determinado, que pode variar entre alguns segundos, no início, até minutos, para quem já possui condicionamento físico suficiente.

Deitando o corpo no chão como se fosse ficar de bruços, apoia-se todo o peso do corpo usando as extremidades e as articulações como se fosse fazer uma série de flexões, mas sem fazer movimento algum.

No começo pode-se usar o joelhos apoiados no chão para facilitar, aumentando o nível de dificuldade aos poucos, conforme o corpo for se acostumando com o tempo de manutenção da posição. Aos poucos aumente o nível de dificuldade, sempre obedecendo seu próprio condicionamento, mantendo-se na posição por mais segundos, ou usando apenas os pés, cotovelos e mãos para manter a postura.

Benefícios da prancha isométrica

Quando o corpo é forçado a manter-se em uma posição por segundos ou minutos contínuos, reforça-se os músculos do chamado núcleo abdominal (o core), composto pela região do abdome e coluna lombo-sacra. Assim, a região lombar, o próprio abdome, os músculos oblíquos e os glúteos ficam mais definidos e fortes.

Esse reforço no core melhora a postura, deixando o corpo mais ereto e “forçando-o” a manter essa posição no dia a dia e aumenta o senso de equilíbrio, já que os músculos abdominais são responsáveis pela estabilização. Ficar em pé em uma perna só, uma das partes mais difíceis do alongamento,  irá se tornar mais fácil após um tempo.

Mantendo o corpo em um posicionamento fixo em um nível mesmo nível (daí o conceito de isometria) faz com que todos os músculos do corpo se forcem a manter esse equilíbrio, aumentando o metabolismo e incrementando a queima de calorias. Deixando os músculos mais fortes, previnem-se lesões e mesmo aquelas dores nas costas.

A flexibilidade muscular também aumenta, e o fator motivacional de querer superar a quantidade de tempo estabilizado em uma única posição dia a dia incrementa tanto o físico quanto a autoestima.

Considerações finais

A princípio, a prancha isométrica não possui severas contraindicações e pode ser realizada em quaisquer ambientes com piso regular. Contudo, cuidado com seu bem estar nunca é demais.

Antes de praticar quaisquer atividades físicas, consulte seu médico e verifique seu nível de condicionamento físico e cardiovascular e possíveis limitações físicas. Peça orientação de um profissional de educação física.

Avalie este conteúdo!
Avaliação média: 4.71
Total de Votos: 7
Emagrecer com a prancha isométrica

Comente