Emagrecer em uma academia ao ar livre

Saiba como usar uma academia ao ar livre como coadjuvante de sua dieta equilibrada em seus esforços para emagrecer e eliminar o sedentarismo.

Presente em diversas cidades do Brasil, a academia ao ar livre é um espaço público que se destina à prática de exercícios de forma gratuita. Os equipamentos são projetados em locais que proporcionam acessibilidade total e integração com a vizinhança através da prática de atividades físicas.

Em algumas localidades elas são chamadas de “academias para a terceira idade” ou outro termo semelhante. Embora a prioridade seja para quem tenha mais de 60 anos, qualquer cidadão pode se beneficiar dos equipamentos se quiser começar a eliminar o sedentarismo e mesmo para ajudar a emagrecer.

Alguns alertas iniciais

Antes de iniciar quaisquer atividades físicas, consulte um médico e faça testes ergométricos e cardiovasculares. Sempre faça alongamentos antes e depois das atividades físicas. Isso evita distensões e lesões.

Conheça suas limitações antes de usar qualquer aparelho da academia ao ar livre. Inflamações, tendinites, bursites e demais problemas musculares e ósseos devem ser levados em consideração, principalmente durante a anamnese médica.

Equipamentos, usos e benefícios

Cada cidade adapta a academia ao ar livre de acordo com o espaço físico, necessidades e mesmo condições financeiras  dos locais onde ela será instalada. Contudo, alguns aparelhos são comuns a quase todos eles. Veja quais são.

Simulador de caminhada – Ajuda a movimentar as pernas emulando uma caminhada sem que haja contato com o solo, evitando assim o desgaste de articulações e proporcionando queima calórica e aumento da coordenação motora.

Esquiador – Por movimentar pernas e braços de forma rítmica e continuada, auxilia as funções motoras, respiratórias e cardíacas, aumentando a resistência física.

Elíptico – Semelhante ao esquiador, mas ao invés de movimentar as pernas para frente e para trás, força movimentos de subida e de descida, como em uma escada sem fim. Também eficiente para incrementar as funções cardiorrespiratórias e motoras.

Exercitador de pernas – Os movimentos simulam o agachamento, só que sentado como em uma poltrona. Reforçam a musculatura das coxas e panturrilha.

Prancha lateral – Os movimentos laterais desse equipamento reforçam os músculos dos quadris e ajudam a coordenação motora.

Giros vertical e diagonal – Perfeitos para reforçar a movimentação dos músculos dos ombros e cotovelos, suscetíveis a diversos problemas inflamatórios e de lesões diversas.

Simulador de cavalgada – Inspirado nos movimentos em cima de equinos, trabalha braços, glúteos e pernas em rápidos e vigorosos pequenos agachamentos.

Considerações finais

A academia ao ar livre costuma ser um local agregador, perfeito para encontrar amigas e interagir com diversas pessoas. Além dos benefícios à saúde do corpo, esse fator é crucial para que as vantagens se estendam à saúde mental.

O ideal é que haja acompanhamento profissional quando for usar os equipamentos, mas caso isso não seja possível use apenas o bom senso. Faça sessões de exercícios dentro dos seus limites físicos e hidrate-se com frequência.

Uma academia ao ar livre é a desculpa perfeita para escapar do mal do sedentarismo, e com uma vantagem imbatível: é grátis. Aproveite com responsabilidade.

Avalie este conteúdo!
Avaliação média: 4.6
Total de Votos: 9
Emagrecer em uma academia ao ar livre

Comente