O que é Índice de Massa Corporal?

A história, a utilização e a popularidade do Índice de Massa Corporal.

11 de outubro de 2014 • Por Mariana, em Assuntos Diversos, Comportamento


O Índice de Massa Corporal costuma ser tema de diversas conversas sobre obesidade e peso ideal. Apesar de ser mundialmente aceito e adotado como método de aferição inicial do peso considerado ideal, o IMC (sigla pelo qual é conhecido) suscita algumas dúvidas principalmente aos leigos como eu, o que pode gerar informações errôneas e desencontradas. Ao pesquisar sobre o assunto, descobri coisas muito interessantes e pertinentes e repasso a vocês.

História do Índice de Massa Corporal

O Índice de Massa Corporal (IMC) nasceu na prancheta de um estatístico belga chamado Lambert Adolphe Jacques Quételet, que em meados do século XIX criou uma equação para medir o grau de obesidade de um adulto, dividindo o peso em quilos de uma pessoa pelo quadrado da altura dela em polegadas.

Graças à incompatibilidade das grandezas de comprimento entre diversos países, o IMC inicial foi aprimorando-se. Primeiro, diferenciando os sexos, depois as idades, até que na década de 1980, no século XX, a equação do Índice de Massa Corporal para adultos chegou ao consenso aceito pela Organização Mundial de Saúde (OMS): peso dividido pela altura em metros ao quadrado.

O que é o Índice de Massa Corporal?

O IMC afere em adultos o grau de obesidade ou sobrepeso baseado em uma tabela de simples entendimento e calculada pela equação acima descrita. O número obtido pela divisão entre o peso e a altura ao quadrado descreve se o indivíduo está abaixo, dentro ou acima do peso ideal segundo uma tabela seguida desde 1998.

  • Menor que 18,5 – abaixo do peso.
  • Entre 18,6 e 24,9 – peso normal.
  • Entre 25 e 29,9 –  excesso de peso
  • Acima de 30 – Obeso.
  • Acima de 40 Obesidade mórbida.

O Índice de Massa Corporal é confiável?

O IMC não deve ser usado como único diagnóstico para determinar a obesidade porque o índice não leva em conta o percentual de gordura e músculos contidos no peso. Embora confiável, o Índice de Massa Corporal deve estar aliado a outros exames, como a taxa de gordura corporal, a circunferência abdominal e fatores que podem levar à obesidade, como a taxa de açúcar no sangue, os níveis de colesterol e o consumo de álcool e fumo.

Avalie este conteúdo!

Avaliação média: 4.8
Total de Votos: 10

O que é Índice de Massa Corporal?

Compartilhe

 

Este site site não é farmácia ou consultório médico. Não brinque com sua saúde. Não se automedique. Consulte seu médico, e não confie no que ler na Internet, nem mesmo neste site.

O que você pensa disso? Vamos construir um debate!