O segredo da saciedade

A saciedade é o pulo do gato de quem deseja tornar a dieta um aliado, e não um sacrifício em nome do emagrecimento. Saiba como obter essa sensação com os alimentos certos.

10 de janeiro de 2014 • Por Mariana, em Destaques, Dicas e Dietas


Ainda há quem ache que é preciso reduzir as refeições diárias para emagrecer. É sabido que períodos de jejum prolongados provocam acessos de fome e voracidade imensos, por isso a velha tática de comer apenas no almoço ou no jantar apenas nos faz entrar no temido efeito sanfona.

Uma pessoa deve se alimentar de três em três horas para que o metabolismo mantenha-se sempre funcional e pronto para queimar calorias com eficiência. Contudo, o alimento precisa ter uma característica fundamental para ser eficaz em uma dieta: provocar saciedade.

A ilusão da quantidade faz com que os mecanismos de saciedade não funcionem (Existem os fatores genéticos, mas fogem do escopo desse blog por serem demasiadamente técnicos). O segredo é combinar nas refeições (café da manhã, lanche matinal, almoço, lanche vespertino, jantar e ceia) alimentos que, de uma forma ou outra, provocam a saciedade.

alimentos-dieta-montignac-300x200

Alimentos que induzem à saciedade

  • Sementes oleaginosas – nozes, amêndoas e avelãs possuem alta taxa de calorias, porém consumidas com moderação são aliadas da dieta por conter altas doses de gorduras boas, que ajudam a ativar o metabolismo e queimar depósitos de gordura. O poder de saciar dessas gorduras é alto.
  • Ovos – ora heróis, ora vilões, descobriu-se, finalmente, que são fontes de proteína de alta qualidade. Quando consumidos cozidos, promovem saciedade e ajudam os portadores da síndrome metabólica a diminuir os seus efeitos.
  • Leite – quem não tem intolerância à lactose pode se beneficiar do cálcio, mineral que auxilia reconhecidamente o organismo a perder peso.
  • Vegetais folhosos – são extremamente populares e baratos e fontes de vitaminas importantes, como A, C, D e E, além de serem fontes de fibras. Encontra-se durante o ano todo produtos como alface, couve, rúcula, agrião, repolho, entre outros.
  • Frutas – a riqueza multicolorida delas é o segredo de sua riqueza vitamínica. Fontes deliciosas e nutritivas das principais vitaminas que o ser humano necessita, também são ricas em fibras. Varie as cores e intercale-as durante os dias.
  • Cereais e grãos integrais – quem quer o sistema digestivo sempre saciado deve munir-se deles, especialmente no café da manhã e nos lanches entre as principais refeições.

Queijos brancos, azeite de oliva em pequenas quantidades e sucos integrais (com bagaço e casca, sem coar)também são excelentes escolhas. Não devemos esquecer que devemos tomar água, que geralmente ajuda na sensação de saciedade provocada pelas fibras e algumas frutas.

carregando…

Um último lembrete: consulte um nutricionista. Ele saberá como combinar esses alimentos dentro de um programa dietético saudável e seguro. E não deixe de praticar atividades físicas, pois alimentos que provocam saciedade não fazem milagres sozinhos.

Compartilhe

 

Este site site não é farmácia ou consultório médico. Não brinque com sua saúde. Não se automedique. Consulte seu médico, e não confie no que ler na Internet, nem mesmo neste site.

Deixe seu comentário!