Os melhores exercícios para prevenir o infarto

Praticar exercício para emagrecer tem um efeito muito desejado: a melhora da função cardíaca. Conheça os três melhores exercícios para evitar o infarto.

Exercícios são parte indissociável de um estilo de vida saudável e não só para quem quer emagrecer, o que é o primeiro objetivo de muitos que começam a incluir atividades físicas no cotidiano.

Manter um ritmo contínuo e regular de exercício físico faz bem ao coração. Manter a frequência cardíaca em atividades moderadas e a longo prazo fortalece os músculos do coração, melhora a cadência cardiorrespiratória e protege contra infartos, pressão alta, doenças da aorta e derrames cerebrais. Mas quais são os melhores exercícios para prevenir doenças do coração?

O ranking dos mais eficazes exercícios

Um conjunto de pesquisadores da Austrália, Áustria, Finlândia e Reino Unido trabalharam em uníssono e conseguiram determinar os três esportes que mais diminuem os riscos de morte por infarto e AVC (acidente vascular cerebral, o popular derrame). São eles:

Esportes que usam raquete

Tênis, badminton, squash, entre outros, estão diretamente associados á menor incidência de doenças cardíacas e vasculares, à redução da pressão arterial e á melhora do funcionamento dos músculos do coração.

Essas atividades mesclam alta intensidade com os intervalos obrigatórios entre os pontos dos jogos, e isso provoca um intenso gasto energético que reduz a gordura e emagrece e mantém os músculos prontos para queimar calorias mesmo em repouso. Os efeitos contra a obesidade e o diabetes são inevitáveis.

Natação

Todos os músculos do corpo são usados para manter o corpo em movimento e boiando. Isso estimula o desenvolvimento muscular, a coordenação motora e ajuda a queimar calorias. A massa muscular magra também sofre um acréscimo de força e flexibilidade e isso faz com que os níveis de gordura no sangue fique sob parâmetros normais.

Outra grande vantagem da natação é o impacto quase nulo do exercício nas articulações, o que o torna a atividade física mais indicada para todas as idades, quase sempre sem contra-indicações.

Atividades aeróbicas e dança

A coordenação física é favorecida com o exercício, o que proporciona melhor condicionamento cardiovascular. A manutenção do peso é algo impressionante; quem pratica dança por 30 minutos, principalmente ritmos intensos como a Zumba o Fitdance pode perder 230 calorias; já exercícios aeróbicos de moderada intensidade gastam em média 260 calorias.

Essas atividades costumem ser ritmdas e divertidas, o que transforma a rotina de exercícios em algo agradável e prazeroso, o que ajuda a eliminar o estresse, já que o movimento ajuda a eliminar o cortisol.

E o ciclismo?

Quem pedala obedecendo intervalos regulares para descanso pode obter os mesmo efeitos dos três exercícios acima mencionados. O problema é quando o ciclismo se torna uma atividade contínua e de alta intensidade.

Sem um período de paradas, conmo os atletas que participam da Tour de France, por exemplo, a pessoa termina a atividade física esgotada, com os músculos em um estado de fadiga que não permite a queima calórica saudável durante o descanso.

Considerações finais

Ao desejar iniciar quaisquer dessas atividades físicas, faça sempre uma análise médica rigorosa. Seu condicionamento físico, sua idade, sua saúde em linhas gerais precisam receber exercícios que se adaptem a você. Pouco a pouco, os acréscimos de intensidade virão, desde que se obedeça seu ritmo e sua saúde.

Avalie este conteúdo!
Avaliação média: 4.3
Total de Votos: 9
Os melhores exercícios para prevenir o infarto

Comente