Seis dicas para diabéticos manterem o peso ideal

O diabetes pode ser uma das causas da obesidade, mas a luta contra essa doença silenciosa precisa de um fator importante: a disciplina dos diabéticos.

O diabetes é uma doença tão silenciosa que, quando a notamos, já estamos sofrendo seus efeitos deletérios, como a obesidade.

Infelizmente, para que os diabéticos mantenham o peso ideal é preciso um esforço enorme tanto no quesito alimentar quanto no físico, pois para eles o pior inimigo é produzido pelo seu próprio metabolismo.

Cabe ao portador do diabetes planejar e executar uma reestrutura de seus hábitos para que a qualidade de vida não seja ainda mais prejudicada.

Os diabéticos e a obesidade

Uma das primeiras dicas para diabéticos manterem o peso ideal parece discurso de guerra, o que não deixa de ser verdade: conheça seu inimigo.

Saber como o diabetes age no que refere à obesidade é o primeiro passo para enfrentá-lo com as armas certas.

  • Há vários tipos de diabetes, e uma consulta clínica é o que define o tipo de cada paciente. Para resumir rapidamente, há o causado pela insuficiência de produção de insulina pelo pâncreas, o que causa resistência à insulina (diabetes tipo II) e o diabetes gestacional, além de fatores como uso de remédios, álcool e desarranjos hormonais diversos.
  • O diabetes tipo II é o principal causador da obesidade, já que o organismo cria resistência à insulina, o hormônio que promove a “quebra” da glicose, e faz com que essa glicose armazene-se no corpo em forma de gordura (sempre aviso, mas não custa reforçar: essa é uma simplificação).
  • Graças a esse desarranjo hormonal, os picos de fome acontecem com maior frequência, além dos chamados sintomas clássicos do diabetes: sede em excesso, fadiga, maior volume de urina e problemas visuais.

O que fazer para manter o peso ideal?

Disciplina. Essa é a palavra que irá nortear os diabéticos que quiserem manter a qualidade de vida e manter o peso ideal. Veja algumas pequenas mas preciosas dicas.

  1. Não basta eliminar apenas o açúcar da dieta, como prega senso comum, e sim diminuir as fontes de glicose, principalmente as com alto índice glicêmico, como os carboidratos que sofreram refino, como arroz, pão francês e macarrão.
  2. Diminua o consumo de sal. Diabéticos têm enorme propensão a sofrer com a hipertensão, e o consumo sódio também é fator de inchaços.
  3. Para saber a quantas anda a resistência física do diabético, é preciso consultar um médico. Se não houver contraindicações, 30 minutos de atividades aeróbicas diárias ajudarão o organismo a queimar as calorias adquiridas.
  4. Elimine de vez o sedentarismo da vida. Não se acomode com as facilidades do mundo moderno: ande mais, percorra distâncias inferiores a um quilômetro da residência sem o auxílio de carro, suba escadas, use mais a bicicleta.
  5. Se os exercícios já fizerem parte de sua rotina, atenção para as quedas nas taxas de glicemia que podem causar tonturas e desmaios. Consuma carboidratos com baixo índice glicêmico, como os provenientes de frutas, antes dos exercícios.
  6. Nunca faça dietas sem aconselhamento de um nutricionista. Nunca. Cada diabético tem uma reação específica aos picos de insulina ou quedas glicêmicas e apenas uma avaliação clínica saberá como o paciente deve se portar nesses casos.

Nem sempre é fácil para diabéticos manterem o peso ideal sozinhos. E isso não pode acontecer; peça ajuda, conheça pessoas que possam compartilhar experiências, junte um grupo de amigos para fazer exercícios juntos, sempre consulte o médico e não deixe o diabetes vencer por omissão.

Avalie este conteúdo!
Avaliação média: 4.7
Total de Votos: 13
Seis dicas para diabéticos manterem o peso ideal

Comente