Sete alimentos que combatem a ansiedade

Existem alimentos que podem nos ajudar a controlar a ansiedade desse mundo louco em que vivemos.

A ansiedade, uma das mais opressoras sensações que uma mulher pode sentir, está cada vez mais presente no dia a dia. A tendência a querermos ser multitarefa (dona de casa, mãe, profissional, mulher, MAGRA…) tende a causar uma sensação desagradável de apreensão.

Esses impulsos ansiosos podem encontrar uma nada desejável válvula de escape na comida, fazendo com que ganhemos indesejáveis quilos extras ao descontarmos a inquietação em um alimento calórico.

Felizmente, a ciência pesquisa há muito tempos os melhores alimentos para combater a ansiedade e é possível adequá-los a um cardápio saudável, bastando para isso o auxílio de um especialista.

Do que o alimento precisa para combater a ansiedade?

Muitos produtos que consumimos podem deflagrar a ansiedade, por isso conhecer melhor o que se come é condição essencial para o bem-estar e até para emagrecer.

Basicamente (e repetimos: esse texto, assim como os demais desse blog, simplifica os fatos para melhor entendimento), o alimento precisa fornecer nutrientes que liberem ou sejam precursores de neurotransmissores que previnam acessos de depressão, angústia, confusão e demais patologias mentais.

Lembrando: neurotransmissores são substâncias químicas produzidas pelas nossas células nervosas, os neurônios.

Diversos tipos de alimentos são excelentes fontes de vitaminas e nutrientes que ajudam a produção de neurotransmissores como a dopamina, a serotonina e a noradrenalina, entre outros.

Os alimentos mais recomendados

1-Chocolate – Um velho conhecido dos médicos, a versão amarga possui flavonoides que favorecem a produção da serotonina, o neurotransmissor ligado ao humor e à memória. 30 gramas por dia é o suficiente.

2-Frutas cítricas – A vitamina C delas é um dos mais poderosos antioxidantes conhecidos e combate a produção do hormônio cortisol, ligado ao estresse (e consequentemente à ansiedade).

3-Banana – O segredo da fruta é seu alto teor de triptofano, precursor da produção da serotonina.

4-Espinafre – Piadas com o famoso personagem de cartum à parte, a verdura é rica em ácido fólico, antioxidante com propriedades antidepressivas. Um dos maiores amigos dos cérebro, já que fornece a ele energia e auxilia a desoxidação.

5-Carnes, peixes – Fornecem o já citado triptofano, além de uma substância chamada taurina, que ajuda a produção de um neurotransmissor específico que controla a ansiedade.

6-Leite e ovos – Outras fontes seguras e fartas de triptofano. O consumo de 3 porções por dia é o suficiente para ativar os transmissores que causam bem-estar e relaxamento.

7-Carboidratos, especialmente as versões integrais – As fibras ajudam a digestão, melhoram a corrente sanguínea, regulam os picos de insulina e são ricos em vitamina B, fundamental para a manutenção da integridade do sistema nervoso.

Quais alimentos evitar

Bebidas ricas em cafeína – chá mate, café e refrigerantes podem agravar casos de nervosismo e ansiedade.

Gorduras saturadas – Em excesso, elas inflamam órgãos nobres e podem causar irritabilidade.

Álcool – Ele tem efeito depressor no sistema nervoso central e deve ser evitado. A euforia inicial é passageira e ilusória.

Avalie este conteúdo!

Avaliação média: 4.6
Total de Votos: 10

Sete alimentos que combatem a ansiedade

Comente